Unimed

Sustentabilidade

Voltar para Artigos

Você pode contribuir com a Campanha do Agasalho 2018

Sustentabilidade

Roupas, calçados, cobertores, agasalhos em geral. Enfim, arrecadar tudo que possa aquecer e proporcionar conforto a quem não tem como se proteger do inverno que se aproxima. Esse é o objetivo da Campanha do Agasalho que a Unimed Londrina está realizando desde o dia 2 de abril. “Buscamos doações de itens que estejam em bom estado e que possam ser usados por adultos e crianças”, ressalta a gerente de Sustentabilidade da Unimed Londrina, Fabianne Piojetti. As peças podem ser doadas em qualquer ponto de atendimento da Unimed, em Londrina e nos escritórios regionais.

Segundo Fabianne, nesta edição da campanha os agasalhos arrecadados serão doados para a Casa do Bom Samaritano. A instituição atende moradores de rua, oferecendo refeições e pernoite, além de abrigar ex-moradores de rua, alguns com deficiência intelectual. Duas creches vinculadas à instituição serão beneficiadas com os itens infantis. “Atualmente, este é o maior abrigo da cidade e a demanda é bem alta”, ressalta Fabianne.

Na campanha do ano passado, como sempre, a Unimed Londrina promoveu a arrecadação antes do inverno começar, para que as doações pudessem chegar e beneficiar as pessoas atendidas a tempo. Foram arrecadadas 930 peças, que beneficiaram três instituições. Mas durante o inverno, quando o frio ficou mais rigoroso, em julho, a área de Sustentabilidade da Unimed Londrina recebeu um pedido de ajuda da Casa Lar de Tamarana. A entidade havia acabado de receber seis crianças, da mesma família, sendo que a mais nova tinha apenas cinco dias de vida. Elas precisavam de roupas e agasalhos para se proteger do frio, que em Tamarana é sempre mais rigoroso.

Fabianne conta que ela e sua equipe se mobilizaram e acionaram todos os colaboradores da Unimed Londrina e a ação se espalhou rapidamente. “Em apenas três dias conseguimos arrecadar 1.452 peças, número bem superior ao da campanha inteira, que havia sido encerrada pouco antes”, comenta.

A coordenadora da Casa Lar de Tamarana, Daniela de Mello Barbino Basbasque, afirma que a chegada das cinco crianças e logo depois da irmãzinha, de apenas cinco dias, que veio direto do hospital para a entidade, pegou a instituição de surpresa. “Não tínhamos roupas para todos e fazia muito frio naqueles dias”, lembra. Ela afirma que as doações foram essenciais para a manutenção das crianças e atendeu todas as outras que também estavam abrigadas lá. Hoje, os seis irmãos continuam na Casa Lar, sendo que a mais velha tem 10 anos e a bebê, batizada de Ana Júlia, hoje está com oito meses. “Estão todos bem!”, garante Daniela.

Onde doar?

Sede Administrativa: Avenida Ayrton Senna, 1065

Clínica de Vacinas: Rua Senador Souza Naves, 999

Pronto Atendimento: Rua Senador Souza Naves, 1333

Clínica Multiprofissional / Unimed Saúde – Avenida Santos Dumont, 860