Loading…
teste

IDSS da Unimed Londrina fica acima da média ponderada do setor no País

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou no mês de setembro o Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) – Programa de Qualificação das Operadoras de 2018 (ano base 2017). A Unimed Londrina atingiu o IDSS 0,7898 no período avaliado, resultado acima média ponderada do setor em nível nacional, que ficou em 0,7295, em uma escala que varia de 0 a 1 ponto.

O analista de Controladoria da Unimed Londrina, André Luis Pereira Lima, observa que a metodologia de cálculo do IDSS adotada pela ANS passou por mudanças nessa última edição, fazendo com que a comparação com o resultado anterior obtido pela Cooperativa, que foi 0,82, ficasse prejudicada.

Para o ano-base 2017, a ANS passou a utilizar o TISS (Troca de Informações na Saúde Suplementar) na composição do Programa de Qualificação das Operadoras. A nova metodologia, segundo informação divulgada pela ANS, possibilitou a ampliação do escopo do Programa ao permitir a introdução de novos indicadores e realizar ajustes em outros.

Com isso, o IDSS, formado por quatro dimensões, passou a ser composto por um total de 29 indicadores, sendo que 18 deles utilizam dados extraídos do Padrão TISS. Ainda segundo a ANS, o novo IDSS-TISS passou a apresentar indicadores que melhor discriminam o desempenho da operadora em seus aspectos assistenciais.

Na dimensão Qualidade em Atenção à Saúde, a Unimed Londrina atingiu 0,7344 pontos. Esse item avalia o conjunto de ações em saúde que contribuem para o atendimento das necessidades de saúde dos beneficiários, com ênfase nas ações de promoção, prevenção e assistência à saúde prestada.

Na dimensão Garantia de Acesso, que considera as condições relacionadas à rede assistencial e abrange a oferta de rede prestadora, a pontuação da Cooperativa ficou em 0,5821.

No quesito Sustentabilidade de Mercado, em que são considerados o equilíbrio econômico-financeiro, satisfação do beneficiário e compromissos com prestadores, a Unimed Londrina recebeu 0,9914 pontos.

Na dimensão Gestão de Processos e Regulação, que entre outros indicadores, afere o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais da Cooperativa junto à ANS, a pontuação atingiu 0,9740.


Comentários