Loading…
teste

Banho do bebê: conheça os principais cuidados

Apesar do receio de alguns pais, o banho do bebê não é um bicho de sete cabeças; é só seguir os cuidados básicos e a posição correta para tornar esse momento seguro e especial

O banho do bebê é um dos primeiros desafios para mamães e papais de primeira viagem. Não à toa que muitos pais têm receio desse momento, já que os bebês são tão delicados e parecem ficar mais frágeis e escorregadios quando estão ensaboados. Contudo, essa pode ser uma ótima oportunidade para os pais estreitarem os laços e criar vínculos afetivos com o seu filho.

Nos primeiros banhos, nada melhor que estar acompanhado de alguém para dar suporte e tornar o momento menos tenso e mais prazeroso. Separamos, então, dicas de como preparar o banho, recomendações importantes sobre a água e, claro, cuidados especiais para manusear o bebê e fazer a sua limpeza.

+ Leia mais:

     •  Amamentação: conheça os cuidados necessários
     •  As vacinas importantes para recém-nascidos

Preparando o banho do bebê

O ideal é separar tudo o que você vai precisar, para secar e vestir o bebê antes de iniciar o banho. Lembre-se que eles não podem pegar friagem antes ou depois do banho. Disponha todos os produtos ao seu alcance, como sabonete neutro, shampoo, pomada preventiva para assadura, algodão e líquido antisséptico. Deixe ao alcance da mão a toalha de banho, bem como as roupinhas e fraldas, e sempre verifique se as portas e janelas estão fechadas para evitar correntes de ar, mesmo em dias quentes. 

A pessoa que for dar o banho, deve sempre conferir se as unhas estão bem curtas, pois a pele do bebê é muito fina e delicada - qualquer arranhão pode acabar machucando. Tire anéis, pulseiras ou colares e mantenha as mãos bem limpas antes de começar. Ajuste para que a banheira fique em uma altura confortável para que você consiga segurar o corpo do bebê, principalmente para que não escorregue.

Hora do banho

Agora é a hora do banho. Conversamos com a enfermeira e coordenadora do Programa Materno Infantil da Unimed Saúde, Gheisa Lopes sobre o passo a passo desse momento muito importante, veja:

1) Prepare a banheira com água (pode ser do chuveiro), verificando a temperatura com o antebraço, que deve variar entre 36º à 37,5º C;

2) Deixe o bebê enrolado na toalha e lave primeiro o rosto, somente com água. Você pode também umedecer um chumaço de algodão, passando suavemente do centro do rosto para fora;

3) Em seguida, ensaboe a cabeça com sabonete, enxágue bem, tendo o cuidado para que não escorra para os olhos e ouvidos;

4) Após lavar a cabeça, seque-a;

5) Quando iniciar o banho no corpo, se bebê tiver evacuado, remova as fezes com chumaços de algodão;

6) Segure o bebê, passando seu braço esquerdo sob suas costas e apoiando-o pela axila esquerda. Coloque o bebê suavemente na água: primeiramente os pés e, aos poucos, mergulhando todo o corpo. Ele ficará em uma posição deitada, com apoio;

7) A seguir, lave a parte da frente do corpo, vire-o de bruços e lave a parte de trás. Não esqueça os espaços entre os dedos e todas as dobrinhas. Região genital e bumbum sempre serão as últimas partes a serem lavadas;

8) Retire o bebê da água, embrulhe-o na toalha e seque-o sem esfregar, apenas pressionando a toalha sobre a pele.

9) Limpeza do cordão umbilical: seque bem a região, passe o antisséptico recomendado pelo seu médico e vista o bebê.

Após o banho, vista-o com uma blusinha para certificar que a região do peito esteja quente, e em seguida, coloque a fralda. É normal também que as mãos e pés da criança fiquem geladas, então coloque luvinhas e meias a mais, se precisar, até que a temperatura volte ao normal.

O choro

O choro durante o banho do bebê pode se repetir nos primeiros dias até ele retornar ao conforto. Isso também pode acontecer em situações em que o bebê sai da rotina, como quando começa a ser despido. Aos poucos o banho diário, portanto, deixa de ser algo desconhecido e acaba se tornando um hábito, com isso o choro tende a se reduzir neste momento.

Procure conversar, cantar ou acariciá-lo durante o banho. Ao ouvir sua voz, ele pode se acalmar aos poucos e se sentir mais confortável. Basta ter paciência e permitir que a experiência do banho venha a ser um momento e especial tanto para você quanto para o seu filho.

Horário do banho

O banho nos bebês deve ser diário, atenção especial aos recém nascidos, que podem ter alguma secreção resultante do parto ou crostinhas no couro cabeludo. Escolha uma hora calma, sem compromissos. Tente dar o banho no horário mais quente do dia, entre às 10h e às 15h, durante as épocas mais frias. Nos meses mais quentes, deixar o banho para à noite  pode ser uma boa opção já que o bebê relaxa e dorme com mais facilidade.

Que tal transformar o banho em um momento de diversão para o pequeno? A partir do quarto mês, você pode introduzir brinquedos, mas sempre fique de olho na segurança e cuidado com as peças. Bichinhos, livros e copinhos são os mais populares. Aproveite esse momento também para a checagem geral, aliás, este é o melhor momento do dia para observar o corpinho do seu bebê! 

Como vimos, há diversos cuidados a serem tomados no momento do banho do bebê. Você tem algumas dicas para compartilhar? Comente abaixo quais foram as soluções que você tomou para as dificuldades encontradas na hora do banho. Quem sabe com as suas ideias, você consegue ajudar mamães de primeira viagem e futuras mamães! 

Leia mais: As melhores atividades para cada fase do bebê


Comentários