Loading…
teste

Como a vacina da dengue ajuda no combate da doença?

Em 2020, Londrina já registrou mais de 6 mil casos de dengue. O número assusta e a doença já é considerada uma epidemia na cidade. Entenda abaixo a importância de sua vacinação.

O combate da dengue vem por meio da prevenção e cuidados. Veja neste vídeo algumas dicas.


Sobre a Dengue

A Dengue é uma doença grave causada por um arbovírus (vírus transmitido por picadas de insetos). O transmissor da dengue é o mosquito Aedes aegypti, que precisa de água parada para se proliferar.

Os principais sintomas são: febre alta, dores de cabeça, nos olhos e músculos, fraqueza e cansaço, além de manchas vermelhas no corpo, náusea, vômitos e tontura.


Vacina da Dengue

A vacina protege contra a infecção causada pelos quatro sorotipos de dengue. A eficácia na prevenção da doença é de 65,5% para dengue grave, 93% para os casos de dengue hemorrágica e 80% para os casos de internação.

As doses (três doses com intervalo de seis meses entre elas) são indicadas para crianças a partir de 9 anos de idade, adolescentes e adultos até 45 anos e é recomendada para indivíduos previamente infectados por um dos vírus da dengue (soropositivos com ou sem histórico da doença).

As contraindicações são para pessoas imunodeprimidas, com alergias graves a algum dos componentes da vacina, gestantes e mulheres que amamentam.

Clínica de Vacinas

Neste mês de abril, a Clínica de Vacinas da Unimed Londrina recebeu a vacina da dengue que estava em falta desde outubro de 2019.

Valor/dose: R$ 250,00 à vista e R$ 265,00 em até 5x.

Em Londrina, a clínica é localizada na RuaSouza Naves, nº 999. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 08h às 19h, e aos sábados, das 08h às 14h. Há estacionamento gratuito em frente à clínica, na Av. Souza Naves, nº 1.018.

Em Arapongas, o atendimento ocorre todas as sextas-feiras, das 9h às 12h, na R. Eurilemos, nº 756.

Em caso de dúvidas ou informações adicionais, ligue para (43) 3375-5050 (opção 2).


Leia também:

Calendário da Saúde: Proteja sua família da Dengue, Zika e Chikungunya


Comentários