Loading…
teste

Sedentarismo: como sair dessa situação de vez

Confira algumas dicas de como abandonar o sedentarismo e levar uma vida mais saudável, persistindo na prática de exercícios físicos

Os benefícios da prática de exercícios físicos à saúde são inúmeros. Movimentar o corpo é fundamental para manter a qualidade de vida e evitar problemas de saúde. Porém, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), somente no Brasil, 47% da população é considerada sedentária. Isso significa que essas pessoas não praticam o mínimo de exercícios recomendado, que é de 150 minutos semanais de atividades de intensidade moderada ou de 75 minutos, para atividade intensa.

Manter o hábito de se exercitar pode parecer difícil para algumas pessoas, entretanto, diversas atividades rotineiras podem servir para sair, aos poucos, do sedentarismo. Não é necessário começar já com uma rotina intensa de atividades. Gradualmente, você pode aumentar o tempo dedicado aos exercícios e sempre variar o tipo de atividade, e praticar aqueles que mais te trazem prazer.

Em abril, a Unimed Londrina trabalha a importância da Atividade Física no projeto Calendário da Saúde e, por isso, separamos alguns exercícios simples que podem te ajudar a sair de vez da vida sedentária!

Passear com o cachorro

Para quem tem animal de estimação em casa, levá-lo para passear é algo que faz parte da rotina. Pequenas caminhadas com o pet, de 15 a 20 minutos por dia, já são um excelente começo.
Além de se exercitar, você estará desfrutando um momento alegre junto com o seu animalzinho, que também precisa se movimentar. E, para completar, a caminhada é uma das atividades mais simples necessitando apenas de disposição e compromisso com uma vida mais saudável.

Usar menos o carro

A facilidade de ter um carro na garagem contribui muito para o sedentarismo. O hábito de pegar a chave do automóvel, mesmo para percorrer pequenas distâncias é muito comum. Experimente substituir o carro para ir ao trabalho, pelo menos uma vez na semana. Se você mora longe do local onde trabalha e ir a pé não é uma opção viável, experimente a bicicleta. Pedalar é uma das atividades mais prazerosas e benéficas à saúde!
Mas se, por acaso, você não tem uma bicicleta à disposição e, mesmo assim, quer se exercitar e usar menos o carro, também é possível. Busque estacionar o carro um pouco mais distante, para que você possa caminhar um pouco no percurso para o trabalho ou qualquer outro destino. Para isso, é importante utilizar roupas leves e confortáveis. Se for o caso, leve uma social e troque ao chegar no trabalho.

Corrida

Outra atividade muito estimulante é a corrida. O ideal é começar pelas caminhadas e, posteriormente, com a evolução do condicionamento, ir aumentando o ritmo. Este é um dos melhores exercícios para o coração. Quem corre regularmente sente ainda os efeitos no humor. A endorfina, liberada durante a corrida, tem efeitos no cérebro, e promove a sensação de bem estar no organismo.
Com treinos regulares, você ainda pode participar de competições, como as corridas de rua. No entanto, é necessário uma preparação adequada, para te ajudar, temos um Plano de Corrida, com treino preparatório intensivo, elaborado por uma profissional da área, que você pode baixar gratuitamente clicando aqui!

Dança

A dança é uma ótima opção para quem não gosta de corrida ou caminhada. Existem escolas e academias que oferecem aulas de vários estilos. O importante é estar com o corpo em movimento e uma das vantagens é a possibilidade de praticar a dança em casa, estabelecendo uma frequência diária e adaptando ao seu tempo livre.

Praticar seu esporte preferido

Se você gosta de futebol e acompanha o time do coração pela televisão, por que não começar a praticar o esporte? O mesmo vale para outras modalidades. Procure um esporte com o qual você se identifica e incentive também amigos e familiares e praticarem. Assim, a prática de exercícios será mais divertida e haverá muitos estímulos para que você siga praticando atividade física!

Por que praticar exercícios físicos regularmente?

Como dito no início, motivos não faltam para investir na prática de atividade físicas. O hábito ajuda a fortalecer o coração, e evita doenças cardiovasculares, como hipertensão, infarto e derrame, além de prevenir contra a diabetes, e manter estável o nível de colesterol no organismo.
É importante ressaltar que não se deve praticar atividade física intensa sem orientação profissional. Para quem está saindo do sedentarismo, é essencial começar aos poucos, fazendo exercícios leves, para condicionar o corpo à prática de atividade. Aos poucos, a intensidade pode ser elevada, de acordo com as limitações de cada um. Unindo atividade física e uma alimentação saudável, você vai ganhar bem-estar e qualidade de vida!

E você? Se considera sedentário? Quais atividades pretende incluir na sua rotina para sair desta situação? Conte-nos nos comentários!

Leia também: Pressão alta: conheça atitudes para evitar esse mal!


Comentários